É hora da resenha: Dragões de Éter

Cá estou eu pra fazer uma resenha sobre o primeiro livro da trilogia “Dragões de éter”, de Raphael Draccon:
Bom esse é um livro de um mercado pouco conhecido—pelo menos por mim— que é a literatura fantástica brasileira, e confesso que quando vi a série pela primeira vez não me chamou muita atenção, entretanto quando comecei a ler não quis mais parar.

O que me fez mudar de ideia, além dos personagens, foi o narrador que é  extremamente dinâmico e mesmo não sendo personagem sabe de toda a história, daqueles que prendem o leitor seja pelo humor ou pelo suspense que ele causa.

Os personagens, peça chave de toda e qualquer história, nesse livro são muito bem trabalhados, uma vez que são derivados das histórinhas que ouvíamos quando eramos crianças—tipo joão e maria, chapéuzinho e afins— mas que, ao invés de serem recontadas, elas são aprofundadas e perguntas do tipo,“por que a vovó morava sozinha no bosque? ”, são respondidas.
Porém com motivos...incomuns.

No fim das contas é um livro que recomendo fortemente e que espero que encante todos que o leiam.